domingo, 12 de outubro de 2014

Foi bom

Foi bom esperar o expediente acabar todos os dias dessa semana e torcer pra você chegar antes de todo mundo para que pudéssemos conversar e rir e gravar vídeos seus tentando falar português a sós. Foi bom ter aquela briga de almofadas com você no sofá da sala e depois ver você me entregando a melhor almofada para eu me aconchegar enquanto assistia tv e não entendia nada. Foi bom sentar do seu lado e conversar sobre música e ver que você tinha baixado meus reggaes favoritos para depois por num pendrive e deixar pendurado na minha porta. Foi bom ficar surpresa quando você me entregou o mapa de como usar a máquina de lavar roupa de um jeito certo. Foi bom irmos para nossos quartos todas as noites e continuarmos conversando e flertando pelo whatsapp de forma que o dia seguinte era sempre um grande constrangimento no café da manhã. Foi bom quando você fez um teste comigo para saber qual era o melhor perfume e eu, sem saber, disse que era o seu e você pulou de alegria. Ou quando a gente procurava um o olhar do outro no meio daquelas máquinas imensas no trabalho. 

Eu adorei todas as vezes que você riu com seus dentinhos pequeninos e ficou vermelho quando quis me falar algo, mas tinha mais gente na sala. E quando você me ofereceu vinho à noite e comprou bebida pra mim. E eu adorei demais quando você fez carinho na minha perna. Adorei, adorei, adorei.

Mas nada é perfeito (não é mesmo?) e assim como a fantasia pode ser criada de um dia pra outro, ela pode ser desmanchada em questão de segundos. Não foi diferente comigo. E o que posso dizer sobre isso? A vida é assim mesmo, não se pode ter tudo.


Despeço-me aqui numa língua que você não vai entender e num texto que você nunca vai ler. Porque as coisas tem que pegar a gente de surpresa, né? 

Have a good life. Bye.

2 comentários:

  1. Putz. Não é fácil quando a nossa mente dá voltas em pequenos (ou até grandes) detalhes de um possível relacionamento e depois a gente percebe que era só isso mesmo: meio que voltas em detalhes; ou só possíveis relacionamentos.

    Eu coleto possíveis relacionamentos que acabam antes de começar. 'Tamo junta. Bola pra frente.

    ResponderExcluir
  2. Sobre relacionamentos que não dão certo, mas viram história pra contar no blog. Pelo menos pra algo serviu, seja lição ou seja post.

    Enfim, boa sorte :3(e que amor de blog, desculpa, primeira vez que comento haha)
    Beijo!

    ResponderExcluir