segunda-feira, 12 de novembro de 2012

Felicidade só existe quando compartilhada

A cada dia que passa, noto que não sei mesmo quem eu sou. Mas que estou exercendo bem a função de “estar sendo”. Não sou água parada, sou correnteza, enxurrada. Sinto-me livre para ser o que bem quero, para formar aquela opinião própria, para me achar razoavelmente boa e para gostar de mim todos os dias. Estou bem e vou ficar bem. Acho que estou naquele momento paraíso da nossa vida.

Nenhum comentário:

Postar um comentário